A Groove Party - nascida no Rio de Janeiro em 2009 - é um movimento artístico cultural para a prática e reflexão nas dançaas Hip Hop, Break Waaking, House, Popping, Vogue etc. criada pela dançarina e produtora Luciana Monnerat. Nesta pesquisa teórica, eu e Luciana nos debruçamos sobre os registros documentais de 10 anos de Groove para pensar uma escrita transdisciplinar, contra histórica, ensaística, indisciplinada e performativa que reflete sobre a produção de encontro como mecanismo indispensável às lutas das existências atravessadas por diversos vetores de opressão por sua classe, raça ou gênero. Investigando o arquivo pela fresta, perguntamos como corpos em dança são a própria ferramenta da liberação e o disparador de um jogo entre palavra e gesto que fortalecem as alianças das populações  diaspóricas?

 

Groove Party:

Performances de um Movimento Negro

com Luciana Monnerat

Pesquisa Acadêmica

Rio de Janeiro, 2019  

(projeto de livro em andamento)

Groove Party - born in Rio de Janeiro in 2009 - is a cultural, artistic movement for the practice and reflection in contemporary social dances created by dancer and producer Luciana Monnerat. In this long durational theoretical research, Monnerat and I look at Groove’s 10-year documentation records to think of a transdisciplinary, against the historical grain, essayistic, undisciplined, and performative writing. The Groove Party is a tool for us to understand the social power of rehearsal and dance as a line of flight. Our work reflects on the production of encounter as an indispensable mechanism to the struggles of groups crossed by different vectors of oppression by their class, race, or gender. Investigating the archive through the gap, we ask how moving flesh can be the very tool of liberation and the trigger of a game between word and gesture that strengthens the alliances of diasporic populations?

 

Groove Party:

Performances of a Black Movement

with Luciana Monnerat

Academic Research

Rio de Janeiro, Brazil.  2019

(book project in progress)